Uma coca-cola com você

                Uma Coca-cola com Você
        é ainda melhor que uma viagem a San Sebastian, Irun,Hendaye, Biarritz, Bayonne 
        ou que ficar enjoado na Travessera de Gracia em Barcelona 
        em parte porque nessa camisa laranja você parece um São Sebastião melhor e mais feliz 
        em parte porque eu gosto tanto de você, em parte porque você gosta tanto de iogurte 
        em parte por causa das tulipas laranja fluorescente contra a casca branca das árvores 
        em parte pelo segredo que nos vem ao sorriso perto de gente e de estatuária 
        é difícil quando estou com você acreditar que existe alguma coisa tão parada 
        tão solene, tão desagradável, e definitiva como estatuária quando bem na frente delas 
        na luz quente de Nova York às quatro da tarde nós estamos indo e vindo, 
        de um lado para o outro, como a árvore respirando pelos olhos de seus nós,
        e a exposição de retratos parece não ter nenhum rosto, só tinta 
        de repente você, se surpreende que alguém tenha se dado ao trabalho de pintá-los 
        olho 
        pra você e prefiro de longe olhar para você do que para todos os retratos do mundo 
        exceto talvez às vezes o Cavaleiro Polonês que de qualquer maneira está no Frick 
        aonde graças a Deus você nunca foi de modo que eu posso ir junto com você, a primeira vez 
        e isso de você se mover tão bonito mais ou menos dá conta do Futurismo 
        assim como em casa nunca penso no Nu Descendo a Escada ou 
        num ensaio em algum desenho de Leonardo ou Michelangelo que costumava me deslumbrar, 
        e o que adianta aos Impressionistas tanta pesquisa 
        quando eles nunca encontraram a pessoa certa para ficar perto de uma árvore quando o sol baixava 
        ou por sinal Marino Marini que não escolheu o cavaleiro tão bem 
        quanto o cavalo, acho que eles todos deixaram de ter uma experiência maravilhosa 
        que eu não vou desperdiçar por isso estou te contando.
                               
                                             Frank O'Hara                                           
        (tradução de Luiza Franco Moreira)

Maratona Literária de verão( MLV )


                              Como vai regentes?
Como vocês sabem já fazem cinco anos que rola a Maratona de  verão, inventada pelo Vitor lá do canal GEEK FREAK, o Janela da alma está participando pela segunda vez, e esse ano o tema é AVENTURA e chama-se Jornada MLV. Existem dois reinos, o reino de Arcania( magos e feiticeiros ) e o reino de Galtero( Guerreiros e vikings), em cada reino existem quaro cidades e cada cidade vai propor um desafio e cada reino tem um rei e uma rainha que vão propor cada um seu desafio final, você precisa escolher seu reino e veja abaixo seus desafios:

GALTERO
. Ler um livro de um autor popular
.Ler um livro comprado em uma promoção
.Ler um livro que aparentemente só você conhece 
. Ler um livro que você sempre teve medo de ler 


ARCANIA
.Ler um livro que era pra você ter lido em 2017
.Ler um livro com um hype antigo(que fez sucesso há um tempo)
.Ler um livro nacional da atualidade(que foi publicado nos últimos 5 anos)
.Ler um livro de um autor que você nunca leu antes 

Mapa de Arcania 
Mapa de Gautero

Escolhemos Arcania

                           Minha tbr





                 OS desafios do rei e rainha



                    Não esqueçam de usar a tag quando forem postar nas redes sociais.
                                     #Jornadamlv

OBS: Não é obrigatório cumprir os desafios, o importante é ler

Jardim de inverno da autora Kristin Hannah

                                         Janela da alma adverte: Leia sem moderação



     
Sinopse: Meredith Nina são tão diferentes quanto duas irmãs podem ser. Uma ficou em casa para cuidar dos filhos e da família. A outra seguiu seus sonhos e viajou o mundo para tornar-se uma  fotojornalista famosa. No entanto, coma doença do seu amado pai, as irmãs encontram-se novamente, agora ao lado de sua fria mãe, Anya, que, mesmo nessa situação, não consegue oferecer qualquer conforto às filhas. A verdade é que Anya tem um motivo muito forte para ser assim tão distante: Uma comovente de amor que se estende por mais de 65 anos entre a gelada Leningrado da segunda Guerra e o não menos frio Alasca. Para cumprir uma promessa ao pai em seu leito de morte, as irmãs Whitson deverão se esforçar e fazer com que a mãe lhes conte esta extraordinária história. Meredith e Nina vão, finalmente, conhecer o passado secreto de sua mãe e descobrir uma verdade tão terrível que abalará o alicerce de sua familia...E mudará tudo o que elas pensam que são.   


Resenha: Jardim de inverno é uma trama de ficção histórica, narrado em terceira pessoa, contado em dois tempos( passado e presente), conta a história de uma mulher que viveu os horrores da segunda guerra e esse fato marcou sua vida para sempre, ela viu todas as pessoas que mais amava morrer, inclusive seus filhos e marido. E ela, carregou consigo esse fardo junto das lembranças que sempre a atormentaram. Mas ela sobreviveu ao massacre e foi morar no Alasca, casou novamente e teve duas filhas, porém, ela carregava o trauma e a culpa e isso fez com que ela se tornasse uma mãe muito ausênte e fria, e suas filhas não compreendiam os motivos. Anya não conseguia se comunicar com as meninas, então ela inventou um conto de fadas, era uma mulher com muitos fantasmas guardados, fantasmas que pediam para serem libertos, ela só precisava de ajuda. As meninas cresceram acreditando que a mãe não amava elas, foi a morte do pai  delas, que as aproximou da mãe, em seu leito de morte ele pede para que elas descubram a historia da mãe, como elas eram totalmente distantes foi uma convivência difícil, mas aos poucos a história vai se revelando. Muitas revelações, muitas lágrimas, foi uma leitura muito emocionante. Recomendo.



 Obra: Jardim de inverno
Autora: Kristin Hannah
Editora: Novo conceito
Gênero: Drama
ISBN: 978-85-8163-035-9
 Ribeirão Preto-SP
          2014         

Lençóis de seda

Não existem mais poemas para definir-me
Em uma  triste tarde de dezembro,
desiludir-me por completo desta essência
Meu lenço de renda preta enxugava-me às lágrimas
Enquanto o frio abraçava-me com veemência
Abruptamente rompia-me a normalidade
Tornando-me estrangeira
Trancando-me sem prévias em um quarto escuro
Onde somente o barulho de minhas batidas internas
faziam-se presentes,
Deitei em meus lençóis de seda e adormeci.


Janela da alma

                                                         Da poetisa Drilly Manfre
                                                  O livro que leva o nome do blogue
                                        Um compilado de emoções, lembranças e desejos
                                                  Poesia que combina com vinho e frio
                                                          Não deixe de comprar o eu!
                                                     Para comprar o livro clique na imagem.

Inocência perdida

                                                      Da autora Priscila Márcia Mariano
                                                   O volume I da serie "A saga de um pintor"
                                                                  FICOU CURIOSO?
                                   Tortura psicológica, estrupo, tráfico humano...
                                                                    Compre o seu !
                                               Para comprar o livro clique na imagem.

A menina misteriosa

                                                            Da autora Solange Baliski
                                                                        Romance
                                     
                                                  Para comprar o livro clique na imagem. 

18 anos de solidão

                                                 Do romancista Ricardo Tagliaferro
                                                                       Drama
                                          A continuação de 100 cartas de uma saudade
                               Ainda mais dramático, mais devastador e muito surpreendente.
                                           Para comprar o livro clique na imagem

100 cartas de uma saudade

                                                   Do romancista Ricardo Tagliaferro
                                                                      Drama
                              Se você não se importar em derramar algumas lágrimas...
                                                 Não deixe de ler essa história !
                                                  Para comprar o livro clique na imagem

A velha pisadeira

                                                 Da autora Andréia Marques
                                                     Literatura Infantil
                                                        Para comprar clique na imagem.

Corpo Seco

                                                                Da autora Andréia Marques
                                                                         Corpo Seco
                                                                             Cordel
                                                   Para comprar a obra clique na imagem
Postagens mais antigas Página inicial

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tradutor